O G20 e a crise na zona do euro: as implicações da atuação do Reino Unido, por Márcia de Paiva Fernandes

A crise financeira de 2008 trouxe vários problemas para a União Europeia, particularmente para a estabilidade do euro. As discussões no G20 sobre questões relacionadas à crise foram marcadas pela tentativa dos países europeus de recuperar suas economias e de “salvar” a moeda europeia. Neste sentido, a atuação do Reino Unido nas cúpulas do G20 merece destaque, principalmente devido às consequências de tal atuação para a União Europeia, tendo em vista que o governo britânico defende que os países europeus assumam suas responsabilidades para superar a crise e que defendam, sozinhos, a existência do euro.

Texto completo em: http://pucminasconjuntura.wordpress.com/2012/05/18/o-g20-e-a-crise-na-zona-do-euro-as-implicacoes-da-atuacao-do-reino-unido/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s